MULTIDÕES

2018

peças de roupas de tecidos variados, cordão de nylon, "L" de ferro, prendidor de madeira

270 x 700 x 50 cm

As centenas de roupas penduradas em varais que forma a instalação artística “Multidões” foram doadas por pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social: presidiários, crianças órfãs, moradores de rua, usuários de drogas, prostitutas e refugiados de Angola, Haiti, Síria, Bolívia e Venezuela. A maneira como essas roupas são expostas penduradas em varais instalados na frente das 3 janelas da sala de exposição opera como uma espécie de eclipse, e impede a entrada de luz natural na sala, como também impedem a possibilidade de visualizar a paisagem externa do prédio. Pendurar roupas em varais nas janelas do lado de fora das casas é um gesto popular em muitas regiões no mundo, e acabam de certa forma expondo um pouco da intimidade dos habitantes do lar para pessoas desconhecidas. Este trabalho inverte esta operação ao tornar visível a intimidade das ruas do Brasil para o público presente no lado de dentro do local expositivo.